terça-feira, 7 de setembro de 2010

World Trade Center; 8:46 a.m


Avião da American Airlines atinge a Torre Norte, em Nova York. Em uma fantástica "coincidência", exatamente o grupo de bombeiros que estava com alguém filmando o tempo todo recebeu uma ligação anônima de alguém que sentiu cheiro de gás em certo local. Exatamente na hora em que eles estavam lá (um local aberto, com ótima visão das duas torres) o primeiro avião passa bem perto deles. Estivessem eles mais perto, não haveria tempo para filmar e não teríamos nenhum registro do primeiro ataque. Em tempo: não havia nenhum vazamento ou cheiro de gás no local...
Em dezembro de 2001, o presidente George W. Bush foi pego na mentira, quando revelou qual foi seu primeiro pensamento quando soube do ataque: "Eu vi um avião atingir a torre - a TV estava obviamente ligada - e eu, acostumado a voar, falei 'Que piloto terrível. Deve ter sido um horrível acidente'."

Ora, não havia NENHUM registro do primeiro avião atingindo a torre, porque o ÚNICO registro até o momento (o dos documentaristas) foi filmado em rolo (pra cinema) e só foi revelado à tarde. Por que então a mentira de Bush? Por que não contar a "verdade oficial", de que ele foi informado do primeiro ataque no corredor da escola primária (onde ele havia sido convidado) e que mesmo assim continuou com a programação, mesmo quando soube do outro avião?? (esta cena está no excelente documentário Farenheit 11, de Michael Moore) Será que a versão oficial já foi uma encenação e ele a esqueceu?

Há ainda um outro registro em vídeo do primeiro ataque, desconhecido pela maioria das pessoas (eu incluso) até hoje (Baixe aqui).

Nenhum comentário:

Postar um comentário